rofl 1673

Câmara Municipal de Ilhéus

Pular para o conteúdo

Câmara de Ilhéus terá sessão especial sobre os 30 anos de estadualização da UESC

30/11/2021 às 10h12

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


Na próxima quinta-feira (2), às 16h, a Câmara de Vereadores de Ilhéus terá uma sessão especial com o tema “UESC 30 anos de estadualização, uma trajetória de sucesso”. A proposta para a realização desta discussão, com o intuito de reconhecer a dimensão da Universidade Estadual de Santa Cruz, foi proposta por Cláudio Magalhães (PCdoB) e aprovada por unanimidade no plenário da Casa. 

De acordo com o vereador, este é um momento especial para seu mandato. “Estive junto com outras importantes lideranças nas lutas que garantiram a estadualização dessa instituição de ensino superior de excelência, que conta com atividades de docência, pesquisas e iniciativas que contribuem para o desenvolvimento da nossa região litoral sul da Bahia”, destacou Cláudio Magalhães. 

O edil lembrou que a UESC derivou da antiga Federação das Escolas Superiores de Ilhéus e Itabuna (FESPI). “Era uma entidade privada, com acesso difícil, considerando a realidade regional da época. Depois de muitas lutas, esse anseio de instituir uma universidade pública, com ensino superior público gratuito e de qualidade se tornou realidade. A UESC passou a ser uma das instituições de ensino superior mantidas pelo governo da Bahia”, disse.

  

“Na sessão de quinta-feira, vamos demonstrar nosso apreço e admiração por esse patrimônio educacional da região. Também teremos a oportunidade de discutir e sugerir novos debates que possam evolver a UESC, qualificando as discussões referentes à nossa comunidade regional”, concluiu Cláudio Magalhães. 

Moção de congratulações - Na sessão da última quarta-feira (24), o plenário da casa aprovou requerimentos com pedidos de congratulações, encaminhados por Cláudio Magalhães, aos reitores que administraram a UESC, José Altamirando de Cerqueira Marques (in memoriam), Renne Albagli Nogueira, Antônio Joaquim Bastos da Silva, Adélia Maria Carvalho de Melo Pinheiro e ao atual reitor Alessandro Fernandes de Santana. 

Os documentos apresentados foram subscritos pelo presidente da casa legislativa ilheense, Jerbson Moraes (PSD), também pelos vereadores Augustão e Enilda Mendonça, ambos do PT.